Novo livro de ALAI

Democratizar a Palavra: Movimentos convergentes em comunicação

sexta-feira 1 de Fevereiro de 2013

Todas as versões deste artigo : [Español] [Português]

Autor: Osvaldo León (coordenador).

Publica: Agência Latino-Americana de Informação (ALAI).

- Com o apoio de: Associação Mundial para a Comunicação Cristã (WACC).

Canal: ALAI.

Tipo de documento: Relatórios e estudos.

Linguagem: espanhol.

Tema: Comunicação e Democracia.

As palavras-chave: Comunicação, Democracia, Direito à comunicação, Juventude, Legislação, Movimentos sociais, Mulheres, Povos indígenas.

Países e Regiões: América Latina.

Sumário:

- Prefácio.

- Comunicação, democracia e movimentos sociais, Osvaldo León.

- Povos Indígenas: Comunicação, cultura e direitos, Sally Burch.

- Política de comunicação indígena, características e compromissos, Franco Gabriel Hernández.

- Declaração da Cúpula Continental de Comunicação Indígena.

- 4ª Cúpula Continental Indígena: Declaração da Mesa de Comunicação.

- Colômbia: Política de comunicação dos povos indígenas: Tecidos como alternativas práticas, Vilma Almendra e Manuel Rozental.

- Colômbia: Pronunciamento do 1º Fórum Nacional de Comunicação Indígena.

- Organizações do campo: Propostas e respostas coletivas, Osvaldo León.

- Projetos e iniciativas das organizações rurais, ALAI.

- Princípios Políticos ideológicos do Coletivo de Comunicação da CLOC-VC.

- Estratégia de Comunicação da Via Campesina Centro-Americana.

- Movimento de mulheres: A comunicação com enfoque de gênero, Sally Burch.

- Agenda de comunicação e gênero, Mutirão Informativo dos Movimentos Sociais.

- Comunicação: um debate estratégico para as mulheres; Marcha Mundial das Mulheres.

- Visibilizar as mulheres como atoras sociais, ALAI.

- No movimento sindical: A comunicação é um espaço de disputa estratégica, Osvaldo León.

- II Congresso da CSA: Resolução 9: Sobre a Democratização da Comunicação.

- CUT Brasil: Para que a nossa palavra irradie cada vez com maior potência.

- A juventude encara os meios, Gustavo Fuchs.

- Documento de Exigências Mínimas: Novo sistema de meios, Grupo de democratização de meios: YoSoy132.

Plataformas comuns e novas normativas legais

- Argentina: A luta por uma lei de comunicação audiovisual democrática, Sally Burch.

- Argentina: 21 pontos básicos pelo direito à comunicação, Coalizão por uma Radiodifusão Democrática.

- Argentina: A dois anos da aprovação da Lei de Serviços de Comunicação Audiovisual.

- Coalizão para uma Radiodifusão democrática.

- Argentina: A 3 anos da sanção da nova Lei dos Meios, Rede Nacional dos Meios Alternativos.

- Brasil: No caminho a uma nova lei, Osvaldo León.

- Plataforma para um novo Marco Normativo das Comunicações no Brasil.

- Brasil: Para expressar a liberdade: Uma nova lei para um novo tempo.

- Equador: conquistas constitucionais que não acabam de pousar, ALAI.

- Equador: Proposta para Democratizar a Comunicação, Fórum Equatoriano da Comunicação.

- Equador: Sete compromissos para que o direito à comunicação se torne realidade, Campanha Rádios Comunitárias Já!.

- Bolívia: participação indígena nas iniciativas legislativas, Sally Burch.

- Bolívia: Lei Geral de Telecomunicações, Tecnologias da Informação e Comunicação.

- Uruguai: Meios comunitários têm sua lei, ALAI.

- Uruguai: Lei Nº 18.232 – Serviço de Radiodifusão Comunitária.

- Uma iniciativa Legisladora do Povo na Venezuela, ALAI.

- Venezuela: Projeto de Lei de Comunicação do Poder Popular.

- Links.

Veja livro completo em link direto e PDF.

Em sintonia com as mudanças políticas vividas na América Latina desde a década passada, a luta pela democratização da comunicação deixou de ser um tema restringido aos que se acham ligados direta ou indiretamente à comunicação, e virou causa assumida por mais e mais autores sociais por tratar-se do próprio futuro da democracia.

É uma luta que passa pela atualização das normativas legais - para que a liberdade de expressão deixe de ser privilégio de poucos -, e políticas públicas que garantam o pluralismo e a diversidade, preservando o interesse coletivo sobre os apetites particulares.

Diante desta aspiração democrática elementar, a reação furibunda dos grandes grupos midiáticos mostra a magnitude do seu poder, conseguem intimidar muitos atores políticos, governos inclusive. Porém, nós estamos falando em “vitórias” circunstanciais, a causa pela democratização da comunicação já está marcada na agenda das mudanças históricas.

O próprio impacto da comunicação em todos os aspectos da vida contemporânea leva a que sua democratização deixe de ser um tema restringido aos diretamente envolvidos na matéria e se torne um desafio cidadão. Esta é a magnitude da luta que ora se trava.

Contribuindo para esta luta, ALAI lança o livro "Democratizar a palavra: Movimentos convergentes em comunicação" que reúne posicionamentos de coordenações e organizações sociais e indígenas, bem como plataformas comuns e normativas legais que estão abrindo caminho para transformar em realidade a democratização da comunicação e o reconhecimento pleno do Direito à Comunicação.

Ver em linha : Democratizar a Palavra: Movimentos convergentes em comunicação

Tejiendo Redes.
C/ Hermanos García Noblejas, 41, 8º. 28037 - MADRID.
Tlf: 91 4084112 Fax: 91 408 70 47. Email: comunicacion@fidc.gloobal.net

SPIP |